Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Projeto “Ginástica para Todos” da Fundação de Esportes abre inscrições para 2018
Início do conteúdo da página

Projeto “Ginástica para Todos” da Fundação de Esportes abre inscrições para 2018

Escrito por N.com | Publicado: Sexta, 02 de Fevereiro de 2018, 14h32

As aulas, realizadas no Ginásio de Esportes Moringão, são gratuitas e destinadas a homens e mulheres com idade a partir de 14 anos


ginastica para todos FEL

Estão abertas as inscrições para a edição de 2018 do projeto Ginástica para Todos, realizado pela Fundação de Esportes de Londrina (FEL). O projeto é gratuito e as aulas terão início no dia 6 de março, no Ginásio de Esportes Moringão. A iniciativa, que teve início em julho do ano passado, faz parte do Projeto + Saúde da FEL, que tem como objetivo democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando atividades que propiciam mais qualidade de vida por meio do esporte.

As aulas são destinadas para idosos, adultos, e jovens com idade a partir de 14 anos. O foco é melhorar as habilidades físicas como coordenação, equilíbrio, destreza e, consequentemente, alcançar a melhora das qualidades físicas, como flexibilidade, fortalecimento muscular e resistência.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pessoalmente na sede da FEL, de segunda a sexta-feira, das 7 horas ao meio dia, e das 14 às 18 horas. O endereço é Rua Gomes Carneiro, 315, Jardim Higienópolis, dentro do Moringão. Para outras informações, basta ligar para (43) 3372-9191.

As aulas acontecerão nas terças e quintas-feiras, das 7h45 às 8h30. O maior objetivo do projeto é levar aos londrinenses atividades físicas para a melhoria da saúde e do bem-estar da população de forma gratuita. As dinâmicas são atividades divertidas, prazerosas e de baixo impacto. Primeiramente, é feito um aquecimento geral para as articulações, seguido de alongamento, para só depois desenvolver as habilidades. São usados materiais esportivos como bolas, colchonetes, cordas, entre outros.

O idealizador e responsável pelo projeto, José Eugênio, destacou que em 2017 o projeto teve bastante procura, mas a intenção é sempre aumentar o alcance de pessoas beneficiadas. “Os alunos levam a sério as atividades, e a cada aula que passa percebemos a evolução de cada um. Há uma grande procura também dos idosos que, além da manutenção do bem-estar físico, melhoram a sua vida social e o estado psicológico”, contou.

Foto: Vivian Honorato

registrado em:
Fim do conteúdo da página